piloto_floresta_urbana.jpg

Home Educação Bandalheira do Bem leva diversão e música a Santa Adélia
Bandalheira do Bem leva diversão e música a Santa Adélia PDF Imprimir E-mail
Seg, 16 de Setembro de 2019 12:27

Bandalheria do Bem 1

Patrícia Cavalini

Santa Adélia recebeu mais uma vez o Projeto Bandalheira do Bem com muita música, dança, teatro e apresentações de circo, no último dia 6. Tudo gratuito. No ano passado, o grupo reuniu e encantou centenas de crianças e adultos.

A Bandalheira do Bem iniciou suas ações com apresentações no Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto, através da reunião de amigos artistas, e transformou os corredores do hospital em um palco improvisado, arrancando sorrisos, aplausos e até participações especiais das crianças enfermas.

Estão no roteiro desse ano demonstrações de timbres de diferentes instrumentos, apresentação e aula aberta de dança de rua, arte com malabares e palhaço, além de um show completo da banda Bandalheira interpretando, especialmente, canções infantis como "Sítio do Picapau Amarelo" e sucessos atuais como "Ouvi dizer" do Grupo Melin.

O evento foi prestigiado por todos os alunos da rede municipal, que se encontraram na praça Dr. Adhemar de Barros para uma manhã feliz. O evento também encerrou as comemorações da Semana da Pátria na cidade. Estiveram presentes o prefeito Guilherme Colombo da Silva, a secretária da Educação Sandra Simon, o presidente da Câmara Manoel Carlos Palma (Abacaxi) e o vereador Flávio Pinheiro.

"Encerramos nossa semana da pátria com muita alegria e música. Recebemos este projeto mais uma vez com grande satisfação, já que nossos alunos gostam muito e se divertem. É uma manhã diferente que podemos proporcionar as nossas crianças", salientou o prefeito Guilherme.

"É gratificante ver as crianças chegando à praça, ansiosas, na expectativa de ver e participar da apresentação, isso tem acontecido com frequência, elas cantam junto, experimentam os instrumentos, aprendem passos de dança de rua, atuam como atores e contadores de histórias, enfim se tornam artistas por algumas horas. Além da diversão, acredito que algumas crianças e adolescentes podem ver nessas atividades uma opção profissional", disse o músico Dimi Zumquê, que lidera a banda.

Também integram a banda Alessandra Freire, Marcio Bá, Eder Bortolato, Tales Gonzales, Michael Toro, Erick Ferreira e Michel Miranda. Destaque ainda no grupo para o professor de dança Alexandre Snopp, que dirige vários grupos de dança de rua em Ribeirão Preto, o malabarista Mamute e o palhaço Chico Curi, todos empenhados em oferecer uma apresentação plural, colorida, cultural e divertida. Em algumas apresentações, a Bandalheira conta com a participação especial da cantora Luisa Farias, uma revelação de apenas 16 anos, que encanta e inspira o público com sua voz, repertório e postura no palco.

"É muito emocionante para nós sabermos que o Projeto Bandalheira do Bem mais uma vez foi um sucesso nas apresentações realizadas, contagiando as crianças, que interagiram demais e mostraram seus talentos, dançando ao estilo do forró e cantando todas as músicas com a equipe do projeto", falaram Luís Henrique e Soraia Ramos da AWG Assessoria e Consultoria.

A Bandalheira do Bem é uma realização da Zumquê Produções, através do ProAC-ICMS do Governo do Estado de São Paulo, Programa de incentivo à Cultura. Patrocinam as apresentações da Bandalheira o Grupo Imediato, Alliage e Okubo Mercantil, com apoio da Usina Colombo, Açúcar Caravelas e AW&G Assessoria e Consultoria. A ação também teve apoio da Prefeitura Municipal.

Bandalheria do Bem 2