Em Santa Adélia frota municipal chega a 72 veículos PDF Imprimir E-mail
Seg, 23 de Julho de 2012 15:30

035


Com a recente aquisição do caminhão usado na coleta seletiva do lixo, a Prefeitura de Santa Adélia conta agora com 72 veículos entre carros, motos, ônibus, vans, ambulâncias, micro-ônibus, caminhões, tratores e máquinas pesadas.

De acordo com Fabrício Ferreira, assessor técnico do município, 15 dos 72 veículos são usados na Secretaria Municipal de Saúde. "São ambulâncias, vans e outros veículos que fazem o transporte de nossos pacientes para diversas cidades do Estado, incluindo longas distâncias como São Paulo e Campinas", explicou.

Há ainda 31 que atendem a Secretaria da Educação. Neste setor há vans escolares, micro-ônibus, ônibus, peruas Kombi e veículos de passeio. "A cidade tem uma área rural muito grande e há muitos alunos que dependem do município para chegar à escola", diz Fabrício exemplificando o uso de vans, ônibus, peruas e micro-ônibus.

O assessor aponta ainda 10 veículos usados nos serviços urbanos, quatro na Administração, dois na assistência social, um no gabinete do prefeito, cinco máquinas pesadas para o setor de Obras e Serviços, três tratores e um caminhão na coleta seletiva do lixo.

Fabrício lembra que, no início de 2009, o município tinha uma frota bastante desgastada e poucos veículos em bom estado de conservação. Nos últimos três anos a administração reformou cinco ônibus e trocou vários outros veículos. "Trinta e um novos veículos foram adquiridos pela Prefeitura. Foram cinco peruas do modelo Kombi, duas motos, três pick-ups, cinco carros chamados de passeio, usados nas viagens de nossos servidores e para atendimentos urbanos, duas ambulâncias, uma van ambulância com capacidade para nove passageiros e um paciente acomodada em maca, quatro micro-ônibus, uma pá-carregadeira, dois caminhões, e seis vans", enumerou.

"A nossa maior preocupação é oferecer serviços de qualidade à população e boas condições de trabalho para os servidores que se utilizam destes veículos. Por isso, mantemos um roteiro de manutenção e revisões destes veículos, o que garante mais conforto e segurança para quem os usa e aumenta consideravelmente a vida útil de nossa frota", finalizou Fabrício