Novembro Azul: ESFs realizam palestras de conscientização PDF Imprimir E-mail
Seg, 19 de Novembro de 2018 14:02

Patrícia Cavalini

As unidades de Estratégia Saúde da Família (ESF) de Santa Adélia promoverão nos próximos dias várias palestras de conscientização sobre a campanha Novembro Azul, dirigida à sociedade e, em especial, aos homens, para conscientização a respeito de doenças masculinas, com ênfase na prevenção e no diagnóstico precoce do câncer de próstata.

A primeira palestra será realizada na próxima quarta-feira, dia 21, às 18h30 na ESF Antônio Caetano de Souza (Jardim Paulista). Na quinta-feira, dia 22 de novembro, é a vez da ESF José Grangeia (distrito de Botelho), às 14h. Também no dia 22, às 19h30, a ESF Carlos Palma, na Cohab, que receberá os santa-adelienses para orientações.

A ESF Eloy Venâncio da Silva reunirá os homens na próxima sexta-feira, dia 23, às 15h. E finalizando a campanha, o Centro de Saúde Dr. Benedito de Oliveira Bicudo realiza palestra no dia 30 de novembro, às 9h.

Não há alternativa: para não ser vencido pelo câncer de próstata, o homem deve se consultar anualmente com o urologista, mesmo quando não há suspeita da doença. A visita ao médico deve acontecer a partir dos 50 anos, a idade cai para 45 para quem tem histórico da patologia na família.

Segundo especialistas, a causa do câncer de próstata ainda não é conhecida, o que dificulta a definição de medidas de prevenção. Por outro lado, há diferentes formas de tratamento, que têm maior chance de funcionar quando o problema é descoberto em seu estágio inicial. Por isso, a campanha do Novembro Azul mostra as formas de se evitar a fase avançada do câncer de próstata.

“Depois do câncer de pele, o câncer de próstata é o mais frequente nos homens. São cerca de 70 mil casos e em torno de 15 mil mortes por ano, segundo dados do Ministério da Saúde. Na fase inicial, ele é assintomático, silencioso. E o Novembro Azul existe para mostrar que há grande chance de cura com o diagnóstico precoce. Quando descoberto no início, a possibilidade de recuperação é de 95%. Então, se toque, procure seu médico para saber se há alguma alteração na próstata”, informa a enfermeira Silvia Martins.

“Todas as unidades de Estratégia Saúde da Família de Santa Adélia estão prontas para dar orientações e encaminhar os pacientes. A prevenção é a melhor forma de combater as doenças, por isso, as campanhas e palestras são importantes, para que todos possam ter as informações, realizar os exames e buscar tratamento quando necessário”, finalizou a enfermeira.