Prefeitura realiza mutirão e acaba com demanda reprimida de pacientes PDF Imprimir E-mail
Qui, 25 de Novembro de 2010 12:33
mutirao_oftalmo_4_small

Com o objetivo de levar melhor qualidade de atendimento aos pacientes da rede pública de Saúde, a administração do prefeito Marcelo Hercolin (DEM), realizou um grande mutirão para atender os pacientes com problema de visão que esperavam na fila pelo atendimento do Sistema Único de Saúde (SUS).

O mutirão foi realizado nos dias 3, 4, 10 e 11 de setembro e 15 e 16 de outubro, na Casa de Apoio de Especialidades, atendendo todos os 300 pacientes que precisavam passar por este especialista.

“Este tipo de atendimento, especializado, é de competência do Governo do Estado, mas como nunca havia guias suficientes para todos, assumimos a tarefa e investimos nesse mutirão para zerar a demanda reprimida”, disse o prefeito.

“Os pacientes teriam de esperar para receber o atendimento e se deslocar para Catanduva ou São José do Rio Preto”, explicou Marcelo. “Foi um atendimento custeado pelo município, que vale a pena, pois trata-se de saúde pública”.

A paciente Maria Aparecida Gabriel disse que ficou muito feliz em participar do mutirão. “Foi ótimo. Eu estava preocupada por ter que esperar tanto tempo para consultar e também com o fato de que teria que sair da cidade. Mas, agora já passei pelo médico, não tive que esperar por meses, além da comodidade de não ter que viajar. Foi muito bom”, disse.

De acordo com o prefeito, além de bancar o atendimento, a Prefeitura também, por meio do Fundo Social de Solidariedade, presidido pela primeira-dama Andréia Antonietto Hercolin, doará os óculos para os que precisarem. “O Fundo faz uma triagem e doa os óculos para as pessoas que não tem condições de comprá-los”, disse Marcelo.

Já os pacientes que precisam de maiores cuidados serão encaminhados para o Centro de Saúde, onde receberão orientações para fazer tratamento adequado.