Home Esporte Projeto Bola Bacana tem início em Santa Adélia
Projeto Bola Bacana tem início em Santa Adélia PDF Imprimir E-mail
Seg, 13 de Novembro de 2017 11:49

 

Patrícia Cavalini

O Bola Bacana, projeto da Associação Pró-Esporte e Cultura (APEC), iniciou suas aulas em Santa Adélia no dia 07 de novembro.

Com o patrocínio da Usina Colombo e Açúcar Caravelas, através da Lei Paulista de Incentivo ao Esporte (PIE) – ICMS e apoio da Prefeitura e das Secretarias da Educação e de Esporte de Santa Adélia, o projeto vai beneficiar alunos de 9 a 12 anos da Escola Municipal de Ensino Fundamental Adelino Honorato Bertolo.

Os participantes vão aprender futsal, vôlei, handebol e basquete e as aulas serão ministradas uma vez por semana, as terças-feiras, no horário contrário ao das atividades escolares. “O projeto tem como objetivo incentivar o bom comportamento escolar e aumentar o desempenho acadêmico”, contou o diretor da APEC, Eduardo Zanello.

Para alcançar esse objetivo, o Bola Bacana dá para cada aluno cinco pontos, que deverão ser mantidos com o bom desempenho escolar. Os alunos serão avaliados em comportamento, presença e notas, tanto na escola quanto no projeto. No fim, se bem avaliados, receberão medalhas de ouro, prata ou bronze, de acordo com a sua pontuação final. Além disso, o projeto dá todo o suporte necessário, como camisa, short, meia, tênis e lanche, durante as aulas.

Durante a primeira aula, estiveram presentes o prefeito Guilherme Colombo da Silva, a secretária da Educação Sandra Simon, o secretário de Esportes Luciano Lima, o Bula, os vereadores Manoel Carlos Palma, Michel Aranha, Flávio Pinheiro e Cleiton Lourenço. Além da representante da Usina Colombo, Kelma Patricia Xavier Pinto, da diretora da escola Rosângela Pinoti e da coordenadora Jéssica Marquesini, dos professores do projeto, e de Eduardo Zanello e Oswaldo Trintim Júnior da APEC. Também esteve presente o diretor de Esporte de Ariranha, Fábio Gonçalves, já que o município também será comtemplado pelo projeto Bola Bacana, com aulas todas as quintas-feiras.

“Nossos alunos gostam muito de esporte. Essa será uma grande chance de mostrar que esporte e escola andam juntos”, disse a secretária de Educação. “O mais importante para nós é tirar as crianças das ruas, melhorar a socialização delas e motivá-los a praticar um esporte”, frisou Bula.

“O objetivo do projeto é formar cidadãos de bem para a nossa cidade. Agradecemos a união das nossas secretarias, que sempre trabalham em conjunto para proporcionar o melhor a nossa população e também à Usina Colombo pela parceria. E que todos aproveitem as aulas e o que o projeto tem a oferecer”, finalizou o prefeito.

O projeto Bola Bacana terá uma cerimônia oficial de lançamento em dezembro.