Home Saúde Secretaria de Saúde pede que moradores do Centro recebam agentes comunitários
Secretaria de Saúde pede que moradores do Centro recebam agentes comunitários PDF Imprimir E-mail
Qui, 07 de Março de 2019 18:22

Equipe ESF Centro 9 rec

Patrícia Cavalini

A Prefeitura divulgou recentemente que Santa Adélia foi beneficiada com mais três equipes do programa Estratégia Saúde da Família. Duas delas vão atuar no Centro da cidade, onde a população não era beneficiada pelo programa.


Com esta nova ordem, os agentes comunitários de saúde estão passando por todas as casas do Centro. “Pedimos que a população atenda e receba os nossos agentes. Estão todos uniformizados, de camiseta branca com a logomarca do programa, e crachá. É muito importante que a família receba o agente e responda as perguntas. Só assim, poderemos ter um diagnóstico correto de como está a saúde da família e o que ela necessita”, disse o secretário de Saúde, Fabrício Franco.

A enfermeira responsável pelo programa Estratégia Saúde da Família, Silvia Martins, informou que há algum tempo os agentes já passaram realizando um cadastro, mas o programa entrará em atividade nessa região efetivamente agora, então é preciso atualizar as informações. “É de suma importância que todos atendam os agentes e respondam as perguntas. Só assim a população pode ter um serviço de saúde mais eficiente e que atenda as necessidades de cada família”, esclareceu.

A Estratégia Saúde da Família (ESF) é o modelo assistencial da Atenção Básica, que se fundamenta no trabalho de equipes multiprofissionais em um território adstrito e desenvolve ações de saúde a partir do conhecimento da realidade local e das necessidades de sua população.

O modelo da ESF busca favorecer a aproximação da unidade de saúde das famílias; promover o acesso aos serviços, possibilitar o estabelecimento de vínculos entre a equipe e os usuários, a continuidade do cuidado e aumentar, por meio da corresponsabilização da atenção, a capacidade de resolutividade dos problemas de saúde mais comuns, produzindo maior impacto na situação de saúde local.